16 de julho de 2011

Semana do Rock #4 Anos 70: Born To Be Wild



Anos 70, uma época de muitos acontecimentos e nascimentos para o rock, eu que levei 2 horas pra escrever o texto sobre os anos 60 se fosse entrar em detalhe sobre tudo que ocorreu nessa década acabaria levando o dia e escrevendo um texto com milhões de paginas, então desculpem se eu acabar sendo breve e não me aprofundar muito, mas eu preciso fazer um texto que não deixe as pessoas assustadas só de olhar né?

No começo da década de 70 boa parte dos ídolos seiscentista estavam mortos, tinham se separado ou já não vinham no mesmo embalo de antes, mas como o rock não pode parar, novas bandas surgiram em grande quantidade e com diversos novos estilos, tendo como influencia os grandes ídolos dos 60.

Ainda nos anos 60 começou a onda da experimentação com o rock psicodélico, e isso continuou e se aprofundou ainda mais nos 70. Muitas bandas queriam inovar, experimentar novos instrumentos, novas técnicas, combinações de elementos vindos de outros estilos e criar coisas novas que pudessem mudar a maneira como se encarava o rock, com isso surgiu o rock progressivo. Entre as principais bandas desse estilo podemos destacar os britânicos do Pink Floyd e do Yes, e os americanos do Rush que caminhavam entre o Hard-Rock e o progressivo, todos tendo se formado no final dos anos 60, mas atingindo grande destaque apenas com a chegada dos 70.

Ainda do final dos anos 60 para o inicio dos 70 surgiram outros 3 estilos que foram decisivos para a formação do rock que conhecemos, o Glam Rock, o Hard Rock e o Metal.

O Glam Rock foi marcado pela extravagância de seus artistas, nas performances, vestuário, maquiagens e etc, o objetivo dele era dar show, de uma forma bem exagerada e peculiar, seu principal artista foi David Bowie.

O Hard Rock é um estilo que teve origem a partir do Garage Rock e o Psicodélico dos anos 60, é marcado por musicas mais pesadas que o rock convencional, usando a distorção das guitarras, arranjos simples mas marcantes, riffs e solos mais bem trabalhados e ainda uma boa influencia rítmica que veio do blues britânico, algumas das principais bandas dos anos 60 possuem musicas que se encaixam nesse estilo e que foram suas principais influencias, mas entre os principais artistas que realmente se dedicavam a esse estilo, podemos destacar os britânicos do Queen, Led Zeppelin e Deep Purple, os americanos do Kiss, Aerosmith e Alice Cooper, os Australianos do AC/DC,os Alemães do Scorpions e os canadenses do Rush e do Steppenwolf, que caminhavam entre esse estilo e o progressivo

Como o termo “Hard Rock” era usado basicamente para determinar o rock mais pesado que o convencional, ele podia significar muita coisa, e dele surgiu o Metal. Entre as bandas dessa época é uma tarefa árdua se determinar onde o som deixa de ser apenas Hard Rock e passa a ser Metal, pois o metal em si surgiu como parte do Hard Rock, com a diferença de ter uma pegada menos puxada pro lado do Blues e mais focada no espetáculo, na brutalidade do som em si. Entre as principais bandas desse Metal podemos citar o Black Sabbath e bandas como Deep Purple, Led Zeppelin, AC/DC, Scorpions e Alice Cooper, que já foram citadas quando falei sobre o Hard Rock, mas com esse fino fio que separa o Metal do Hard Rock também foram essenciais para a cena do Metal que depois se desenvolveu ainda mais com o surgimento de bandas como Iron Maiden, Metallica, Def Leppard, Slayer e Megadeath, que surgiram pela segunda metade dos anos 70 e no inicio dos anos 80, dando uma cara mais bem definida e diferenciada do Hard Rock para o metal, como um estilo ainda mais rápido, pesado e repleto de solos complexos que foi se dividindo em centenas de subgêneros cada um com suas próprias peculiaridades.

Bem, o fato é que com toda a experimentação ainda mais aprofundada do progressivo e os solos e riffs complexos do metal e do Hard Rock, o rock estava se tornando algo cada vez mais complicado de se tocar, e foi ai que, com grande influencia também do Garage Rock seiscentista, surge o Punk Rock no final dos anos 70.

A primeira grande banda do Punk Rock a surgir foram os Ramones, que se pode dizer que criaram aquele estilo de se tocar, tendo como influencia algumas bandas do final da ultima década como os Stooges que já tocavam um som próximo daquilo, com o objetivo de simplificar o rock novamente, para que se tornasse algo que qualquer um pudesse tocar, inclusive eles, e assim nasceu o Punk Rock, sem nenhum tipo de ideologia, apenas da simplicidade.

As calças eram rasgadas, as roupas surradas e o som era cru, na realidade isso nem era de fato tão intencional, as roupas eram daquele jeito de velhas que eram mesmo, e o som cru se dava principalmente pela falta de técnica que eles possuíam, mas por toda aquela simplicidade aquilo se espalhou rapidamente e em 1977 a cena explodiu, os Ramones estavam lançando já seu terceiro disco, Rocket To Russia e na Inglaterra The Clash e os Sex Pistols lançavam seus primeiros discos, estes últimos introduzindo toda uma ideologia ao Punk Rock, fazendo nascer o Movimento Punk e uma serie de bandas que viam na simplicidade do Punk uma arma para dizer o que pensavam, se expressar, espalhar ideais, lutar pelo que se acreditava e fazer ser ouvida a voz daqueles que se sentiam oprimidos em meio a sociedade. Do punk também nasceram outros estilos, o principal nessa época sendo o Hardcore, uma versão ainda mais acelerada e politizada do punk.

Enfim, assim terminaram os anos 70, a todo vapor, e o que veio nos anos 80 não foi uma renovação, mas sim uma continuação dos fatos que se sucederam na década de 70, mas isso é assunto para o próximo texto, até amanha galera

Musicas da época que não se pode deixar de ouvir

Nenhum comentário:

Postar um comentário